A leitura está na moda. Sim! Eu sei, parece uma observação estranha e saída de alguém que o diz somente por ler. Mas, se repararem nas redes sociais, os livros parecem ter, na pandemia, voltado a um estatuto outrora esquecido. Esta popularidade é passageira, infelizmente, mas com esta publicação quero dar-vos a descobrir algumas aplicações que podem ser úteis na hora de ler.

Desvaneio

Fonte: Desvaneio (Reprodução)

Com ideia e programadores portugueses, esta aplicação visa juntar o prazer de ler, com a facilidade de se vender livros usados. A aplicação, gratuita para Android e iOS, apresenta uma interface simples, amigável e interativa. É possível, para além da troca e venda de livros, de adicionar livros a diversas listas, e de atualizar os nossos tempos de leitura e ver o nosso progresso em determinado livro. Isto acontece por meio de estatísticas facilmente interpretadas. Algo que caracteriza ainda a aplicação é a partilha de citações no mural da mesma.

Goodreads

Poderia ter colocado esta aplicação da Amazon em primeiro lugar. Contudo, a mesma tem estado debaixo de algumas polémicas, nomeadamente na hora de filtrar comentários racistas ou homofóbicos. A situação, estando reportada, tem estado em resolução. O certo é que a rede continua a ser a maior a nível mundial no que toca aos livros e onde as diversas editoras e escritores se encontram com os seus leitores.

À semelhança da app anterior, podemos guardar o nosso progresso de leitura, criar listas e categorias de classificação, ter um blogue, interagir com autores e outros leitores, partilhar leituras, citações e até participar em questionários. É possível aceder ao Goodreads pelo browser, aplicação Android ou iOS.

Kobo

Photo by Maarten van den Heuvel / Unsplash

Para quem leu a review ao Kobo Clara HD, sabe já que a Kobo é quase que a loja oficial dos e-books em Portugal. Uma que, desde o passado mês, cresceu exponencialmente ao incluir três serviços de "streaming de livros". Ou seja, o leitor, se ao invés de comprar livro a livro, pode optar por um serviço de e-books, de audiolivros ou, se pretender, o pacote completo. Com preços a começar nos 5,99€ até aos 7,99€, ler nunca se tornou tão acessível. Isto não só acontece por a leitura poder ser feita em e-readers da marca, como nos nossos computadores ou dispositivos móveis (Android e iOS).

Fonte: Kobo (Reprodução)

Media 365 Reader

Fonte: Media 365 Reader (via Google Play Store)

Talvez das plataformas menos conhecidas, mas uma que consegue rivalizar até certo ponto com a oferta da Kobo ou de um Kindle, da Amazon. Porquê? Pois na aplicação (Android e iOS) se torna possível ler gratuitamente os livros cujas editoras nela permitam ler. A aplicação, funcionando com anúncios (oferecendo também uma opção paga), leva a leitura a um patamar extremamente acessível. Infelizmente, em Portugal, não são propriamente as editoras mais conhecidas que alimentam o catálogo da Media 365 Reader. Porém, com milhares de livros disponíveis em português (do Brasil de Portugal), pode ser uma aliada no momento de descobrir novas histórias.